A Comissão Permanente de Acessibilidade e Inclusão


A Comissão Permanente de Acessibilidade e Inclusão do TRT3, criada pela Portaria GP nº 418/2016, possui a seguinte composição:

  • Desembargador Paulo Maurício Ribeiro Pires
  • Paula Vianna Pachito – Assessoria da Presidência
  • Membros do Grupo Executivo de Acessibilidade da Comissão Permanente de Responsabilidade Socioambiental do TRT3: Antonio Fernandes (Núcleo do Foro de Uberlândia), Dilson José Couto Filho (Núcleo de Gestão Predial), Fernanda Freire Fonseca (Secretaria de Saúde), Gerusa Gontijo Guimarães (Secretaria de Engenharia), Júlio César da Silva Araújo (Secretaria de Material e Logística), Marcus Vinicius Viana (Secretaria de Desenvolvimento de Pessoas), Raul Adalberto Buccini (Secretaria de Desenvolvimento de Pessoas), Rosilaine Pereira Braga Dainez (13ª Vara do Trabalho de Belo Horizonte), Thaíse Maki Clareth (Secretaria da Corregedoria e da Vice-Corregedoria), Valdemir Alves da Silva (Vara do Trabalho de Monte Azul)
  • Servidoras da Seção de Gestão Socioambiental: Ludmilla Ferreira Mendes de Souza e Márcia Aparecida Ferreira Campos.

 

Competências

São competências da Comissão Permanente de Acessibilidade e Inclusão do TRT3:
I - acompanhar e auxiliar a Seção de Gestão Socioambiental no planejamento de ações e na proposição de projetos voltados à acessibilidade e inclusão;
II – desenvolver os planos de ação relacionados à acessibilidade e inclusão previstos no Plano de Logística Sustentável (PLS) do TRT3; e
III - auxiliar na instauração da Política de Responsabilidade Socioambiental deste Tribunal.